A Agência Nacional de Águas (ANA)  e a Confederação Nacional da Indústria (CNI) firmaram um acordo, que será anunciado na terça-feira (18), por meio do qual 87 indústrias terão de reduzir em 14% a captação de água nos próximos dez dias com o objetivo de evitar interrompimento do fornecimento. A vazão dos rios da Bacia do São Francisco tem ficado abaixo das expectativas. As unidades atingidas captam água por mais de 12 horas por dia de rios sob o domínio da União. A maior parte delas atua nos setores de mineração, metal-mecânica e agroindustrial e está instalada na bacia.

Ainda segundo o acordo firmado, as indústrias que não se enquadrarem nas novas regras terão um canal para negociar com a ANA.

>>   Governo em alerta sobre vazão no Rio São Francisco