A PF apreendeu durante a Operação Cui Bono, que apura fraudes em financiamento da Caixa, uma coleção de 36 relógios de luxo na casa do dono do grupo Marfrig, Antônio Molina dos Santos. São peças de marcas como Rolex, H.Stern, Omega e Montblanc.

>>  Operação da PF envolvendo a Caixa mira ex-ministro Geddel Vieira Lima