A péssima relação do juiz Sergio Moro com o advogado do ex-presidente Lula Cristiano Zanin
tende a piorar. Depois de convocar quase 90 testemunhas de defesa para o ex-presidente, Zanin dispensou dez, evidenciando que seu propósito foi dilatar a fase que antecede o julgamento.

>> Defesa de Lula reclama de procurador por chamar o petista de "senhor Luiz Inácio"