Os cientistas trabalham bastante para que as coisas possam evoluir, bem como para achar explicações para o nosso passado.

A cada dia que passa, estamos mais próximos de um futuro de filmes de ficção científica, se depender dos pesquisadores. Os especialistas nunca deixam de nos surpreender com suas descobertas, que  favorecem cada vez mais a humanidade, e as descobertas abaixo são uma prova disso.

1 – Foram criadas mãos de exoesqueleto, que são controladas com o poder do pensamento

Os engenheiros da Escola Politécnica Federal de Zurique criaram um protótipo de mão de exoesqueleto que pode ser controlada com o poder do pensamento. Os eletrodos do dispositivo são colocados em um capacete especial, e o exoesqueleto é fácil de manusear. O dispositivo já foi testado por pessoas que sobreviveram a AVC’s e lesões na medula espinhal. Os engenheiros estão aperfeiçoando o exoesqueleto para que ele possa ser produzido em massa em um futuro próximo.

2 – Inteligência artificial

A inteligência artificial vem se desenvolvendo cada vez mais. No início deste ano, uma mulher argentina fez uma publicação no Facebook em que se despedia dos seus amigos e familiares, e publicou uma foto de remédios tranquilizantes fortes. Sua publicação foi reconhecida instantaneamente pelos algoritmos da rede social que utiliza inteligência artificial para esses fins. O programa enviou um sinal para a administração do site nos Estados Unidos, que, por sua vez, se comunicava com os serviços de emergência de Buenos Aires. Os socorristas chegaram ao local e encontraram a mulher inconsciente, mas, graças à tecnologia, conseguiram salvá-la.

3 – Táxi aéreo

Quem diria que um dia existiria táxi aéreo? Na China, ele já foi testado com sucesso. O auto drone EHang 184 se parece com um helicóptero, porém, com maior funcionalidade. Sua capacidade é de duas pessoas, e ele pode voar até 15 km com uma única carga e acelerar a 130 quilômetros por hora. É a solução perfeita para engarrafamentos.

4 – Colírios que restauram a córnea

Não ter mais que usar óculos é o desejo de muitos. Em breve isso será possível, uma vez que simples gotas cumprirão a função de óculos. É nisso que um grupo de oftalmologistas israelenses está trabalhando. Os pesquisadores já testaram com sucesso essas gotas em porcos, e os resultados foram excelentes. As gotas mostraram uma alta eficiência na luta contra miopia e hipermetropia.

5 – Policiais chineses receberam óculos inteligentes com reconhecimento facial

Desde o início deste ano, a polícia da cidade chinesa de Zhengzhou recebeu os óculos inteligentes GLXSS, equipados com tecnologia de reconhecimento facial. As lentes são capazes de tirar fotos, gravar vídeos e exibir informações graças à tecnologia de realidade aumentada. Este dispositivo já ajudou a prender cerca de 40 criminosos.

6 – Criptomoeda

Em 2017, houve um alto crescimento na popularidade do dinheiro eletrônico ou criptomoeda. De agosto a dezembro, o preço do Bitcoin sofreu mudanças significativas, subindo de 2 mil dólares para 20 mil dólares, e depois caindo para quase 6.500 dólares por unidade. Analistas de organizações financeiras preveem que as criptomoedas terão um lugar seguro na economia mundial, juntamente com o euro e o dólar.

7 – Pesquisadores demonstraram o fracasso da teoria da origem dos humanos modernos

Por muito tempo, acreditou-se que o Homo sapiens era descendente de espécie mais antiga de aproximadamente 200 mil anos atrás, com origem em algum lugar na África Oriental. A maioria dos dados antropológicos e arqueológicos atualmente conhecidos confirmava essa versão. Porém, em 2017, a revista Nature publicou um artigo produzido por cientistas, que descobriu fragmentos de pessoas com mais de 300 mil anos, que viviam em uma parte completamente diferente do continente africano. Os cientistas afirmam que se elas estivessem com roupas modernas andando em meio à multidão, seria impossível diferenciá-las de nós. Esta descoberta demonstrou a inconsistência da teoria estabelecida sobre a origem do ser humano.

8 – A primeira radiografia colorida da história

Alguns cientistas da Nova Zelândia fizeram, pela primeira vez na história da humanidade, uma imagem tridimensional utilizando raios X em cores. O novo dispositivo é baseado na tradicional máquina de raios X em preto e branco, mas usa tecnologia de rastreamento e captura de partículas da Medipix. O Medipix funciona como uma câmera, mas no nível das partículas subatômicas. Como resultado, são obtidas imagens de alto contraste.

9 – Cientistas desenvolveram um colete que avisa sobre um ataque cardíaco com alguns dias de antecedência

O colete Smart Vest possui sensores especiais e eletrodos sem fio que permitem realizar um eletrocardiograma, registrar a pressão e os sons do batimento cardíaco. E tudo isso de forma contínua, 24 horas por dia. A pessoa que usar esse colete milagroso será capaz de instalar um aplicativo especial em seu smartphone, onde todos os dados do trabalho de seu coração serão armazenados. O aplicativo pode diagnosticar e até prever problemas cardíacos graves.

10 – Astrônomos descobriram no sistema solar um objeto de origem galáctica: o Oumuamua

Em 2017, pela primeira vez na história da observação, um corpo cósmico de origem galáctica foi descoberto no sistema solar. No observatório de W. M. Keck, no arquipélago havaiano, os astrônomos descobriram um asteroide único que não faz parte do sistema solar. Ele foi formado em algum lugar no espaço galáctico desconhecido. A velocidade hiperbólica do asteroide permitirá que ele continue sua jornada pelo espaço, já que o objeto não está sujeito ao sol.

11 – Cientistas chineses clonaram um macaco

Essa é a primeira experiência de clonagem bem sucedida de acordo com o método da “ovelha Dolly”. Os biólogos moleculares conseguiram criar dois clones de um único macaco. Os animais, nascidos de uma mãe de aluguel, têm o mesmo DNA. No futuro, esse sucesso ajudará a encontrar formas de salvar as pessoas do câncer, evitar doenças hereditárias e clonar animais já extintos.

12 – Edição de genes para o tratamento de um paciente vivo

Em 2017, bioengenheiros fizeram uma mudança nos genes de uma pessoa viva pela primeira vez. Em agosto, especialistas da Universidade de Oregon realizaram a primeira tentativa de modificação genética de um embrião, eliminando o gene responsável pelo aparecimento de uma doença cardíaca hereditária. A operação foi bem sucedida. Além disso, uma modificação genética também foi feita em uma pessoa viva. O paciente era um homem de 44 anos que sofria da síndrome de Hunter. Atualmente os cientistas estão aguardando os resultados do método aplicado. E, caso eles sejam satisfatórios, os médicos poderão curar doenças graves em um futuro próximo utilizando este método.

13 – Cientistas estão prestes a libertar a humanidade do câncer

Todos nós queremos que o câncer seja somente um signo. Os especialistas modernos já estão próximos, finalmente, de libertar o mundo dessa palavra terrível. Mas é claro que não será possível erradicar completamente a doença. Em 2017, vários métodos foram testados para combater células cancerígenas, mas o mais eficaz provou ser o tratamento não cirúrgico do câncer do útero. Alguns espermatozoides tratados com o medicamento foram enviados para o local afetado e, uma vez lá, o esperma ligado ao útero expeliu a droga. Como resultado dos testes, foi possível alcançar a eliminação de 90% das células infectadas. Esse método, no futuro, tem como objetivo prevenir a quimioterapia.

14 – O primeiro transplante de cabeça humana bem sucedido

Alguns cirurgiões chineses realizaram, com a ajuda do neurocirurgião Sergio Canavero, o primeiro transplante de uma cabeça humana da história, de um cadáver para outro. A operação durou 18 horas e o resultado foi uma conexão bem sucedida da coluna vertebral, nervos e vasos sanguíneos. Sergio Canavero declarou que a primeira operação de transplante de cabeça será realizada em uma pessoa viva, que será uma mulher chinesa.

15 – Os cientistas devolveram a capacidade de andar a uma pessoa paralisada

Um grupo de neurocientistas da Rússia e dos Estados Unidos conseguiu fazer uma pessoa paralisada voltar a andar. Um homem que ficou paralisado por vários anos depois de cair de uma moto de neve participou do experimento. A tecnologia utilizada pelos cientistas foi aplicada pela primeira vez. O paciente levantou-se com a ajuda de estimuladores elétricos. De acordo com os neurocientistas, a reabilitação parcial do paciente levou 44 semanas. Atualmente, o homem pode ficar em pé sozinho, caminhar em uma esteira e até mesmo se deslocar para curtas distâncias.

16 – Chinelos fabricados pela Nissan que “estacionam” sozinhos

Os “chinelos com rodas” foram apresentados pela Nissan. Eles são equipados com motores e sensores que usam a tecnologia ProPilot. Os chinelos retornam sozinhos ao local previamente especificado. Os chinelos com rodas já existem em hotéis no Japão.

17 – Testes em larga escala de veículos não tripulados

Em breve, os veículos não tripulados se tornarão parte de nossas vidas. Nos Estados Unidos, o primeiro lugar nesta indústria pertence à empresa Tesla. Os moradores e visitantes de Paris agora podem viajar em um microônibus experimental não tripulado, com um motor elétrico. E, recentemente, o serviço Yandex Taxi testou carros não tripulados, embora por enquanto apenas em um lugar fechado.

Fonte: Incrível Club

O post 17 Descobertas científicas que transformarão o mundo apareceu primeiro em Tudo Interessante.

Deixe uma resposta