O CANAL – No O Canal você confere tudo sobre audiência da TV, famosos, resumos de novelas, música, cinema & séries e notícias da TV.

Ana Maria Braga foi “precursora” do skate no Grupo Globo. (Foto: reprodução)

Novo esporte olímpico a partir dos Jogos de Tóquio em 2020, o skate é uma esperança de medalhas para o Brasil na competição. O Rio de Janeiro recebe neste fim de semana a final do Campeonato Mundial na categoria street, uma das que estão no programa olímpico (a outra é a park). As disputas acontecem na Arena Carioca 1, que foi o palco do basquete masculino na Rio 2016.

— Trump vence Obama e ganha espaço em lugar inacreditável; saiba mais —

Acompanhando o aumento de interesse do público, o SporTV vem incrementando o espaço dedicado ao esporte na grade e transmite a decisão no domingo, com narração de Glenda Kozlowski. A final feminina começa às 15h e a masculina às 18h. Os brasileiros Leticia Bufoni e Kevin Hoefler chegam como favoritos ao título.

PARCERIA NA LIGA NACIONAL

A competição interna dos melhores skatistas brasileiros também ganha espaço no Grupo Globo. Chamado de Skate Total Urbe (STU), o recém-criado circuito que contempla as duas categorias olímpicas possui transmissão ao vivo no SporTV e no globoesporte.com.

OLIMPÍADA IMPULSIONA TAMBÉM O SURFE

Outra modalidade recém-chegada aos Jogos Olímpicos, o surfe tem os direitos de sua Liga Mundial sob responsabilidade da ESPN. A transmissão em dezembro da etapa de Pipeline, que garantiu o bicampeonato mundial de Gabriel Medina, registrou a maior audiência da história do surfe na emissora, equivalente aos índices alcançados com as exibições de esportes coletivos estadunidenses.

O post Agora olímpico, skate ganha espaço na programação do SporTV apareceu primeiro em O CANAL.

Deixe uma resposta