Reprodução

A ESPN impôs uma condição no acordo de sublicenciamento da Premier League com a RedeTV! que põe em risco a transmissão do badalado Campeonato Inglês na TV aberta. A informação é do 'Blog do Ohata'.

De acordo com a publicação, a RedeTV! tem que garantir ao menos uma cota de patrocínio para a manutenção do contrato. O prazo para a emissora de Osasco contemplar a cláusula condicional se estende até meados deste mês de julho.

Trata-se de uma corrida contra o tempo para a RedeTV!, já que a primeira rodada da temporada 2018/2019 da Premier League está prevista para o segundo final de semana de agosto.

O acordo da emissora com a ESPN, à princípio, tem duração de uma temporada, com a cessão de um jogo por semana, sem exclusividade. Na TV fechada, a exibição da Premier League segue apenas no canal esportivo do Grupo Disney.