Logo após anunciar Ruy Coutinho como secretário de Desenvolvimento Econômico, o governador eleito Ibaneis Rocha (MDB) confirmou mais dois nomes do futuro primeiro escalão do GDF.

O sociólogo Adão Cândido (foto em destaque) fica com a pasta de Cultura. Já o deputado federal Vitor Paulo (PRB-DF) cuidará da interlocução do GDF com a Câmara Legislativa: ele será secretário de Relações Institucionais.

Cândido foi secretário de Articulação e Desenvolvimento Institucional do Ministério da Cultura em 2016. Depois de concorrer a vice-governador em 2014, esse foi o primeiro cargo público assumido pelo militante do PPS. Ele ocupou o cargo a convite do ex-ministro da Cultura Roberto Freire (PPS).

Já Vitor Paulo é do PRB do distrital e deputado federal eleito Julio Cesar, que apoiou Ibaneis durante a campanha eleitoral. Paulo é suplente e assumiu o posto na Câmara federal quando o titular, Ronaldo Fonseca (sem partido-DF), se licenciou para integrar o governo Michel Temer (MDB). Bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, o futuro secretário é coordenador da bancada do DF no Congresso Nacional.

Ana Luiza Vinhote/Especial para o Metrópoles

Ruy Coutinho, Adão Cândido e Vitor Paulo

Deixe uma resposta