Policiais militares filmados durante uma abordagem no domingo (13/1), na Rodoviária do Plano Piloto, serão intimados para prestarem depoimento na 5ª Delegacia de Polícia (Área Central), após denúncia, por parte de um grupo de jovens, de agressão e abuso de autoridade. A Polícia Civil investiga o caso.

A confusão teria começado após o grupo ter deixado uma festa de hip hop e seguido para o terminal, por volta das 5h30. As equipes da PM deram ordem para os jovens se alinharem e passarem por uma revista. Alguns deles teriam se negado a serem revistados e uma discussão começou.

Toda a ação policial foi filmada, com o celular, por alguns rapazes. Um dos vídeos flagrou o momento em que um dos militares dá um tapa e uma cotovelada no rosto de um dos jovens. Outra imagem mostra quando outro homem, já imobilizado também, é agredido por um PM, que percebe estar sendo filmado e prende o autor da gravação.

 

Agressão contra mulheres
Em outra filmagem, uma mulher que estava na companhia do grupo aparece se levantando do chão e apontando para outra. “Agrediram todo mundo. A polícia, a polícia. Agrediu, deu soco na menina. Ele agrediu duas mulheres, ‘mano’”, gritava o homem que registrou as imagens.

As duas tentam impedir a prisão de dois jovens. Um policial quer interromper a filmagem. “Tenho todo o direito de gravar, tenho todo o direito”, responde a mulher. Em seguida, dois rapazes foram colocados no cubículo da viatura e levados para a delegacia.

Procurado pelo Metrópoles, o Comando-Geral da PM afirmou, por meio de nota, que equipes da corporação foram acionadas pelo 190 por populares que reclamavam de algazarra e de uso de drogas ilícitas na área da Rodoviária.
“Além do grupo, a equipe policial abordou várias pessoas no local. Esse grupo, no entanto, não quis aceitar a abordagem, e passou a hostilizar a guarnição e a descumprir as suas ordens. Mais pessoas se juntaram ao grupo e retiraram os suspeitos da linha de abordagem. Alguns arremessaram objetos e agrediram verbalmente os policiais. Após a chegada de reforço, foi possível conduzir dois envolvidos para a delegacia”, disse a nota da PM.
Ocorrência
Com base em informação da PCDF, no boletim de ocorrência consta que policiais conduziram dois homens, de 20 e 22 anos, à delegacia pela prática de desobediência e desacato. Os militares, durante patrulhamento de rotina, teriam percebido um grupo de pessoas em atitude suspeita e iniciaram procedimento de abordagem e busca pessoal.
Os dois homens, de acordo com o registro policial, não quiseram se submeterem à abordagem, passando a insuflar a multidão contra os militares, tendo ambos partido para o enfrentamento físico da guarnição. Os envolvidos foram liberados após a assinatura de termo circunstanciado. Um dos jovens também registrou uma ocorrência de abuso de autoridade e agressão contra os PMs.

Deixe uma resposta