Todos os dias, a cidade de Nova York é cenário de pedidos apaixonados de casamento. No começo de dezembro, uma cena chamou a atenção da polícia: por meio das câmeras de segurança da Times Square, os oficiais viram um homem perder a aliança da namorada em um bueiro. A noiva, que aceitou o pedido, ajudou na procura, chamou seguranças, recebeu até abraço de uma criança para consolá-la, mas o casal acabou indo embora sem resgatar o anel.

A polícia conseguiu encontrar a aliança dias depois, e usou as redes sociais e as imagens das câmeras para pedir pistas sobre os noivos. Com mais de 30 mil replicações, a mensagem chegou ao casal britânico, John Drennan, 36, e Daniella Anthony, 34, que já estavam de volta ao Reino Unido depois das férias nos Estados Unidos. Eles contam que o pedido foi feito no Central Park, mas o anel ficou muito grande e acabou escorregando do dedo da noiva durante um passeio na Times Square.

“Eu estava devastada, estava literalmente chorando. Foi o pior momento da minha vida”, conta Daniella, que namora com John há 10 anos. Resignados com a perda, os dois voltaram para casa, compraram outro anel e não contaram a ninguém sobre o episódio em Nova York, até um amigo encaminhar a publicação da NYPD no Twitter. “Achei que estava perdido para sempre. Isso não aconteceria em nenhum outro lugar do mundo. É incrível”, diz John.

Os oficiais devem enviar a aliança pelos correios, e o casal pretende devolver o anel novo e, com o dinheiro, voltar a Nova York para pagar uma rodada de cerveja aos oficiais que ajudaram na busca.

Deixe uma resposta