Os finalistas serão anunciados no dia 24 de janeiro.
A produção brasileira “Pequeno Segredo”, de David Schurmann, ficou de fora da corrida pelo Oscar 2017 na categoria de melhor filme estrangeiro. No total, 85 filmes estavam inscritos para concorrer ao prêmio. A lista dos eleitos foi divulgada na noite desta quinta-feira, 15 de dezembro, com os nove longas-metragens que continuam na disputa.

Com Júlia Lemmertz, Marcello Antony e Maria Flor no elenco, “Pequeno Segredo” conta a história da família Schurmann e a adoção de uma criança. O filme chegou a receber críticas pela temática leve e pela falta de abordagem a discussões sociais.

Além disso, sua indicação à premiação foi uma das polêmicas do cinema de 2016 – já que o Ministério da Cultura optou por escolher o longa, que recebeu R$ 167 mil para a campanha pelo Oscar, ao invés de “Aquarius”, de Kleber Mendonça Filho.

Em seu Facebook, o diretor David Schurmann relatou que “independente da pré-indicação ou não, segue feliz e orgulhoso da trajetória do filme”.

Veja a nota na íntegra:

Nove filmes superaram “Pequeno Segredo” e Brasil fica fora do OSCAR 2017
Indicados para melhor filme estrangeiro

Os selecionados para o Oscar 2017 foram “Tanna” (Australia), “It’s Only the End of the World” (Canadá), “Land of Mine” (Dinamarca), “Toni Erdmann” (Alemanha), “The Salesman” (Iran), “The King’s Choice” (Noruega), “Paradise” (Rússia), “A Man Called Ove” (Suécia) e “My Life as a Zucchini” (Suíça).

A partir da lista divulgada sairão os cinco indicados que participarão da premiação, que ocorre no dia 26 de fevereiro de 2017.

Fonte: VIX