Atualmente em prisão domiciliar, o ex-deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) foi internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Segundo a assessoria de imprensa, o ex-prefeito da capital paulista está com “pneumonia leve”. As informações são do portal G1.

Maluf chegou a ficar preso em regime fechado, no complexo da Papuda, em Brasília, por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF). À época com  86 anos e saúde frágil, o deputado foi internado por causa de uma compressão de nervos na coluna.

Ele foi condenado por lavagem de dinheiro no período de 1994 e 1996, quando era prefeito da capital paulista. O ministro Edson Fachin condenou Maluf a 7 anos e 9 meses de prisão em dezembro de 2017.

Em abril do ano seguinte, quando ficou 20 dias internado no mesmo hospital, o ministro Dias Toffoli autorizou o então deputado federal afastado – que só teve o mandato cassado em agosto daquele ano – a cumprir prisão domiciliar em São Paulo, onde tem residência.

Deixe uma resposta