Um dos quatro tripulantes do helicóptero da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMRJ) que caiu na manhã desta segunda-feira (14/1) morreu. O sargento Felipe Marques de Queiroz, 37 anos, chegou a ser atendido pelo Corpo de Bombeiros do Rio, mas não resistiu aos ferimentos.

O acidente ocorreu por volta das 9h, na Baía de Guanabara, próximo à Cidade Universitária, na zona norte do Rio de Janeiro (RJ). Ao todo, quatro pessoas estavam a bordo. Eles foram resgatados e encaminhados ao Hospital Central da PM. Uma das vítimas ficou presa por minutos na cabine do helicóptero, quando já estava submerso. Os socorristas tiveram que reanimá-lo após o resgate.

A Polícia Militar do Rio informou mais cedo, por meio de nota, que a aeronave que se acidentou reforçava o patrulhamento da Linha Vermelha, principal via de ligação entre a Baixada Fluminense e o centro da capital carioca.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, homens do quartel do Fundão foram acionados, nesta manhã, para uma ocorrência de queda de aeronave na Baía de Guanabara. Os socorristas chegaram ao local em seguida e começaram a fazer o resgate.

Ainda não há informações sobre as causas do acidente.

Deixe uma resposta