Empenhada desde 2015 em realizar o reordenamento das fiações nos postes viários, a Coelba, distribuidora de energia da Bahia, gerou tensão no segmento de provedores de acesso à internet na última semana. Após denúncias de cortes de cabos, foi realizada dia 12 uma reunião entre associações de provedores de internet, sindicatos e a distribuidora, com a presença de um representante da Anatel.

Nesse encontro, ficou acordado que o prazo para a regularização da fiação será de 90 dias, em vez de 30 dias, a partir do diagnóstico apresentado pela Coelba. Todo o procedimento para o reordenamento nos postes será acompanhado em conjunto pela Coelba, pelas associações representantes dos provedores e pelo sindicato.

Em 2016, foram ordenados 45 quilômetros de cabos de telefonia e telecomunicações em onze grandes corredores viários de Salvador e retiradas cerca de 1,5 toneladas de materiais das redes de telefonia e telecomunicações instalados irregularmente.

Confira a reportagem completa no site PontoISP.com.br.

O post Provedores da Bahia têm 90 dias para regularizar fiações apareceu primeiro em TeleSíntese.