As vendas do setor de supermercados cresceram 1,0% na passagem de agosto para setembro, a principal influência positiva para o crescimento de 0,5% do varejo como um todo no período. Os dados são da Pesquisa Mensal de Comércio, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Outros impactos positivos relevantes foram de Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (4,3%) e de Outros artigos de uso pessoal e doméstico (2,9%).

As demais variações positivas foram em Tecidos, vestuário e calçados (0,2%) e Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (0,9%).

Na direção oposta, houve perdas em setembro ante agosto nos segmentos de Combustíveis e lubrificantes (-0,7%), Livros, jornais, revistas e papelaria (-3,4%) e Móveis e eletrodomésticos (-0,7%).

No comércio varejista ampliado, que inclui os setores de veículos e material de construção, as vendas avançaram 1,0% em relação a agosto. A atividade de Material de construção cresceu 0,5%, enquanto as vendas de veículos, motos, partes e peças tiveram recuo de 0,4%.

The post Vendas de supermercados sobem 1,0% em setembro ante agosto, diz IBGE appeared first on ISTOÉ DINHEIRO.